Argentina, Hotel Life, Viagem

Como é ficar no Alvear Palace, em Buenos Aires

Estive em Buenos Aires em novembro passado, numa viagem daquelas meio em cima da hora e sem grandes programações. Fazia pelo menos dez anos que não visitava a capital argentina, então ainda tinha na cabeça aquela ideia de Buenos Aires para brasileiros, com tudo super barato e gente comprando caixas de alfajor Havana. Não mais. Primeiro porque o país mudou muito desde a crise econômica dos anos 00, segundo porque existem alfajores melhores.

Fiquei na Recoleta, um dos bairros mais agradáveis do mundo para passear a pé: arborizado, limpo e plano, cheio de restaurantes e cafés. E pela primeira vez fiquei no Alvear Palace, um dos mais antigos e certamente o mais tradicional cinco estrelas da cidade. O Alvear é membro do Leading Hotels of the World e é perfeito para um fim-de-semana esticado na capital argentina.

O que é

O Alvear é um tradicional cinco estrelas de Buenos Aires, um dos grandes hotéis da América do Sul, fundado em 1932. Tem clima old luxury, grandioso e elegante, como um Copacabana Palace portenho. Super bem localizado, no coração da Recoleta, é o preferido de famílias abastadas visitando Buenos Aires. O grupo Alvear também tem um segundo hotel no centro da cidade, o Alvear Art.

Não se acanhe de tirar foto da escadaria de mármore. Todo mundo faz isso, porque é linda mesmo.

Não se acanhe de tirar foto da linda escadaria de mármore que dá acesso a todos os andares do hotel. Todo mundo faz isso.

O que você vai encontrar

Muito mármore, bronze, cortinas em camadas e tapeçaria – o clima é palácio europeu da Belle Époque. O serviço é altamente atencioso: dos porteiros ao concierge, todo mundo está disposto para te tratar como realeza.

São dois salões restaurantes, um jardim de inverno e um salão para café da manhã esquema buffet. Há uma grande e bem iluminada área de spa com tratamentos La Prairie criados exclusivamente para o hotel. O hotel também tem dois bares: Lobby ou Champagne. O Lobby, foto abaixo, é o mais bonito, com paredes de mármore, balcão de madeira e uma máquina de café antiga – que infelizmente não está em uso desde que foi trocada por uma Nespresso.

O imponente e elegante, bar. Pode pedir uma garrafa de Malbec às dez da manhã que ninguém faz cara feia (true story.)

O imponente e elegante Lobby Bar. Pode pedir uma garrafa de Malbec às dez da manhã que ninguém faz cara feia (true story).

O que tem nas suítes

As acomodações privativas são divididas entre apartamentos, suites e suites especiais como a Suite Alvear e a presidencial. Todos os quartos tem camas absurdamente confortáveis, armários com espaço para guardar sua vida e Wi-Fi gratuito, estável e rápido. Roupões acolchoados e amenities da Hermés acompanham. Há um serviço de mordomo disponível para as suítes, caso você não queira se preocupar com coisas mundanas como desfazer as malas. Se quiser roupas passadas diariamente ou amenities para crianças, basta informar na reserva. Ah sim: pode pedir mais dos deliciosos bombons de chocolate recheados com doce de leite e decorados com o brasão dourado do hotel que chegam no quarto duas vezes por dia.

Detalhe da suíte. Além do quarto, há uma sala, um escritório, um banheiro com pia dupla e banheira de mármore. Mesmo nos andares baixos, a janela anti-ruído segura o barulho da Recoleta lá fora.

Detalhe da suíte luxo. Além do quarto, há uma sala, um escritório, banheiro com pia dupla e banheira de mármore. E saiba que mesmo nos andares baixos a janela anti-ruído segura o barulho da Recoleta lá fora.

O que comer

O tradicional chá da tarde do Alvear Palace é servido para até dez mesas no jardim de inverno. É uma sequência de sanduíches delicados e patisserie colorida, que podem vir acompanhados de ótimo espumante argentino. Não deixe de provar os blend de chá criados especialmente para a casa. O salão é pequeno e essa é uma refeição para fazer sem pressa, então convém fazer reserva prévia. Ah, você não vai jantar depois.

O jardim de inverno do Alvear. Foto: divulgação.

L’Orangerie, o jardim de inverno do Alvear. Foto: divulgação.

Imperdível mesmo é o brunch dominical, com todos os pães, biscoitos, croissants, ovos, panquecas e afins que sua imaginação consiga conceber, mais sucos frescos, cafés e muito doce de leite da Patagônia.

Cappuccino cremoso e perfeito para acompanhar o croissant com dulce de leche. Matar larica na Argentina é bom demais.

Cappuccino cremoso e perfeito para acompanhar o croissant com dulce de leche. Café da manhã na Argentina é bom demais.

Quando ir

Qualquer fim-de-semana ou feriado. O clima de Buenos Aires é muito parecido com o do sul do Brasil, o que significa invernos mais frios do que os de São Paulo e Minas, mas nada assustador. O que pode assustar é o verão, que costuma vir com ondas de calor bastante intensas.

Quanto ao câmbio, atenção: foi-se a época em que o peso argentino era super favorável para os brasileiros. Leia no Viaje na Viagem um update da situação de câmbio na Argentina.

O living room da suite presidencial do Alvear Palace, Recoleta, Buenos Aires. Foto: divulgação.

O living room da suite presidencial do Alvear Palace, Recoleta, Buenos Aires. Foto: divulgação.

Localização

O Alvear é um dos destaques do coração da Recoleta, o bairro mais bonito de Buenos Aires. É uma área para longas caminhadas e paradas para cafés e sorvete. É aqui que fica o famoso Cementério da Recoleta, o Museo Nacional de Bellas Artes e o endereço do embaixador brasileiro no país

Anote três coisas para fazer no bairro: comer empanadas no Sanjuanino (a melhor opção custo-benefício na Recoleta), tomar sorvete na Volta (escolha um dos sabores a base de dulce de leche) e café na antiga livraria El Ateneo Grand Splendid, tão grandiosa e esplêndida quanto o nome.

O cemitério, que fica há duas quadras do Alvear, é um passeio turístico super popular na cidade. Pode ter filas, então tente chegar bem cedo ou no fim da tarde, que é melhor para fotos. Também vale visitar a clausura ao lado do cemitério.

O famoso Cementerio de La Recoleta, que é um dos must do turísticos de Buenos Aires, fica há duas quadras do Alvear Palace.

O Cementerio de La Recoleta é um dos must turísticos de Buenos Aires e fica há duas quadras do Alvear Palace.

Reservas

O Alvear Palace é membro da The Leading Hotels of the World e não é uma escolha on a budget em Buenos Aires, mas é o hotel certo para experimentar o charme portenho num fim-de-semana em casal ou com a família. Crianças em especial adoram o chá da tarde, tão elaborado que acaba sendo uma experiência lúdica. O hotel também se orgulha de receber bem casais gays e solo travellers. As diárias começam em U$630,00.

Central de reservas
55 11 3171 4000 (Grande São Paulo) e 0800 0141819 (demais regiões)
http://www.lhw.com/hotel/Alvear-Palace-Hotel-Buenos-Aires-Argentina

http://www.alvearpalace.com/
https://twitter.com/alvearpalace
https://www.facebook.com/alvearpalacehotel

O restaurante tem esse clima meio salão de tango antigo, meio palácio francês, totalmente elegante. O serviço, claro, está de acordo.

O restaurante tem esse clima meio salão de tango antigo, meio palácio francês, totalmente elegante. O serviço, claro, está de acordo.

Leia também

http://www.gaiapassarelli.com/como-e-ficar-hospedado-no-convento-do-espinheiro/

Como é ficar hospedado no hotel Belmond Palacio Nazarenas, em Cusco

Cinco hotéis para conhecer no Kerala, o estado verde do sul da Índia