Portugal, Viagem

Faiança Bordallo Pinheiro: bichos, legumes e cores da cerâmica lusa

Bordallo Pinheiro,cerâmica,Portugal

“Claro que você conhece! É tipo aquelas tigelas em forma de abóbora que tem em casa de avó”. Genial. Foi assim que me convenceram a dar um pulo na fábrica da Bordallo Pinheiro, em Portugal. Mas Faiança Bordallo Pinheiro não é só uma fábrica de louça, é bom explicar. O jeitão kitsch da marca tem por trás uma história de 130 anos e um dos personagens mais marcantes da história cultural portuguesa, o ceramista Raphael Bordallo Pinheiro.

Pois não?

Se vivo, ele teria completado 170 anos em março último. A data foi lembrada e celebrada em Portugal, onde a importância de suas peças de cerâmica vai além da memória afetiva representada por sopeiras em formato de repolho. Críticas à personagens da igreja e da sociedade portuguesa, junto a influências do Naturalismo, Renascimento, Art-Noveau e da estética hispano-árabe são parte dos vinte anos de uma produção altamente original. As peças estão hoje sob cuidado de Manuel Gustavo Bordallo Pinheiro, filho do artista, também responsável pela modernização do sobrenome da família, hoje visto em páginas de revista de decoração bacana e alvo de imitações. Centenas de modelos de cerâmica são atração principal do museu, mas as obras da Bordallo Pinheiro também pode ser vista mundo afora. A famosa Jarra Bethoven, por exemplo, com seus 2,60m de altura, está no acervo do Museu das Belas Artes doRio de Janeiro.

Sardinha da coleção 2015, inspirada pelos versinhos de amor borbados pelas moças  da região do Minho, norte de Portugal.

 

O que e onde comprar

O artigo essencial da Bordallo Pinheiro é a sardinha de louça, como essa acima. São presentes lindos e cabem na categoria souvenir-de-viagem-que-não-vem-da-China. O melhor lugar para comprar é na pequena Caldas da Rainha, na exata mesma fábrica fundada pelos Bordallo Pinheiro no final do século XIX. Sendo impossível, vale o site oficial da marca, todo moderno e eficiente, onde dá pra encomendar jogos inteiros de louça para usar ou decorar a casa. Mas tenha em mente que preço de envio é alto e o material é delicado.

Ah, pra quem usa Pinterest (alô, colega pinner!): siga a Bordallo Pinheiro por lá. Os boards são bem cuidados e lindos.

Siga também

https://www.facebook.com/bordallopinheiro.official

* A passagem por Caldas da Rainha foi parte do Portugal Food Tour em 2014.