Índia, Prosa, Viagem

Kerala Blog Express – Kollam, 2014

Praia em Kollam

toc toc toc “newspaper”… toc toc toc “newspaper”… toc toc toc “newspaper”…

Abro os olhos em tempo de focar e apertar o botão “não perturbe” do sistema de avisos eletrônicos do quarto do hotel. Mas decido levantar para fazer meu chá. Antes, abrir as cortinas e deixar o quarto ser invadido pela implacável luz da manhã em Kollam. Mais um dia de sol inclemente na costa oeste da Índia, mais um quarto hotel sub-utilizado para abandonar na próxima meia-hora, mais um dia cheio de programações do Kerala Blog Express.

Foto: Emanuel, do blog TheSiracusas.

O Quilon Beach Hotel é um prédio confortável, “primeiro cinco estrelas” da cidade costeira que se orgulha de ser centro comercial dessa parte do Kerala. Como sua irmã Cochin, um pouco mais ao norte, Kollam tem influência chinesa e judaica, herança dos tempos das navegações. Os rios são tomados pelas enormes redes de pesca chinesas, vistas durante o passeio no rio oferecido pelo WelcomHotel Raviz, que preparou uma recepção para o grupo com direito à elefante decorado, apresentação da dança Kathakali, tambores e um almoço com delícias do Kerala servida numa cozinha flutuante: camarões puxados do rio pela manhã, cozidos, picles, chutney e o arroz temperado com castanhas de caju, coco e cardamomo que aprendi a comer usando a mão direita.

Elefante em Kollam

Elefante em Kollam

Tomando meu chá da manhã no quarto e vendo o grupo de pescadores dividir o saldo da manhã com os pássaros (pequenas e rápidas águias e os corvos) lembro que a programação dos próximos dois dias da tour serão dedicadas à exploração dos backwaters, nome que se dá ao emaranhado de rios perto da costa que ficam cheios durante a alta das marés. Estão longe de ser a única coisa interessante da região, claro, mas são a principal atração turística do Kerala, área de vegetação exuberante e plácidas águas verdes navegadas por enormes barcos de madeira.

Rede de pesca chinesa.

Rede de pesca chinesa.

O grupo tem sido tratado com a gentileza e cuidado usual dos indianos para com seus hóspedes, mas com aquele “mais” de quem espera uma menção especial no TripAdvisor ou num blog importante. O departamento de turismo de Kerala está fazendo um bom trabalho de divulgação da tour – daí nossa foto num dos jornais de maior circulação do país, o Hindu Times. Esse abaixo é o jornal local, em malayalam – muito mais interessante.

"Quando os bloggers tentam dizer malayalam soa como mamamamam, hahahaha"

“Quando os bloggers tentam dizer malayalam soa como mamamamam, hahahaha”

* Estou no Kerala, sul da Índia, viajando com o #KeralaBlogExpress, para responder a pergunta “o que há para ver em Kerala”. Em abril voltamos com a programação normal. Enquanto isso, acompanhe pelo twitter/instagram/facebook