Itália, Viagem

Coisas para fazer em Veneza no inverno

– Quer me ajudar com um post?
– Sim, o que é?
– “Seis coisas para fazer em Veneza no inverno.”
– Mas por que seis?
– Sei lá. Também pode ser quatro ou cinco ou sete, tanto faz.
– Não consigo pensar em seis coisas que só dá para fazer em Veneza no inverno.
Grappa quente? Algum mercado de inverno? Aquelas castanhas assadas na rua?
– Isso não é de Veneza, tem em todo lugar.
– E frittelle?
– Pode ser, mas frittelle tem em outras cidades da Itália. E é mais comum no Carnaval.
– Não é possível. Tem que ter alguma coisa.
– Só consigo pensar em uma.
– Qual?
– Andar pela cidade sem os turistas.

É claro que o veneziano estava certo. A única coisa realmente intransferível de Veneza no inverno é a possibilidade de caminhar pela cidade sem disputar espaço com os milhares de turistas dos dias de verão.

As igrejas, os campi, os passeios de gôndola – é tudo igual em qualquer estação. Os baccari vendendo cicchetti e ombra também estão aqui todos os dias do ano. E o pequeno mercado ao ar livre do campo San Polo, com sua pista de patinação no gelo para crianças e barracas vendendo bebida alcoólica quente, não é exatamente uma atração turística.

É claro que no inverno ainda há turistas na cidade. Eles trocam as camisetas e bermudas por gorros peludos e aqueles casacos feitos de material fofinho, mas continuam restritos ao roteiro turístico normal da Veneza cenográfica, aquela dos gondolieri vestindo camisas listradas e cappuccino de dez euros no Cafe Florian. E chegam em menor número, tornando mais fácil enxergar por detrás da Veneza do Epcot Center e caminhar por vielas em que famílias colocam roupa para secar na janela, crianças jogam bola contra paredes construídas no século XIV e igrejas avisam o passar das horas com badalar dos sinos.

“É uma pena que os turistas que chegam para passar o dia não conheçam a cidade real,” reclamou o veneziano. Mas é exatamente o contrário. Ainda bem que o rio de turistas que flue da Piazzale Roma para a Piazza San Marco, concorrendo com o Grand Canal em volume, não vaza para a cidade de verdade. É como se uma barreira invisível mantivesse segura a sólida Veneza das calli, ponti e fondamenti, essa cidade espetacular onde pessoas vivem e trabalham há mil anos.

#Venezia #Italia #TravelGram #Instatravel #CityLights #Venice #ByNight #Italy #Travel #TakeWalks

A photo posted by Gaía Passarelli (@gaiapassarelli) on

Leia também
Viaje na Viagem: 10 dicas de Veneza
Telegraph: Venice attractions: what to see and do in winter
https://www.walksofitaly.com/blog/venice/winter-december-january-february